O Observatório de Estudos Transnacionais (OET) visa promover pesquisar em torno de uma determinada temática durante o período de 6(seis)meses. As atividades se voltam para um estudo mais aprofundado e discursivo em volta de um tema-chave, sendo subdividido em Grupos de Trabalho (GTs) para a estruturação e publicação de textos, informes e boletins ao público em geral.

O Observatório de Estudos Transnacionais, edição 2016/2017, da ANET,em função das comemorações dos 70 anos do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e dos 20 anos da Res. N° 48/157,Doc.A/51/306, da AssembleiaGeral da ONU – a recepção do Relatório Machel em 1996 -,definiu-se como assunto-chave desta primeira edição:“Crianças em Conflitos Armados”
Os Grupos de Trabalho são os seguintes:

GT 01:Casamento infantil

01 – Leandro Loureiro Costa (RJ)
02 – Thiago da Fonseca Rodrigues (PB)

GT 02:Violência sexual contra crianças

01 – Ana Lídia Both (PR)
02 – Matheus Pontes de Lima (PE)
03 – Nádia de Castro Alves

GT 03:Crianças migrantes desacompanhadas

01 – João Vitor do Vale Ferreira (PA)
02 – Thâmisa Gonzalez de Oliveira (PR)

GT 04:Recrutamento infantil

01 – Bruno de Oliveira Biazatti (MG)
02 – Eliza Martinelli (SP)
03 – Emili Willrich (SC)
04 – Nathália Monte Adelino (Portugal)
A primeira edição do Observatório de Estudos Transnacionais (OET) conta com o auxílio dos seguintes técnicos/especialistas: Patrícia Nabuco Maturscelli (Mestre em Relações Internacionais pela UnB e doutoranda em Ciência Política na USP, também orientadora no Programa de IC da ANET) e Pablo César Rosales Zamora (Mestre em Relações Internacionais pela Pontifícia Universidade Católica – Peru e assessor jurídico do Ministério das Relações Exteriores do Peru). Além disso, a Coalizão de ONGs espanholas para o combate ao uso de crianças como soldado, a “Menores Soldados, também é parceira desta primeira edição.
MENORES

Anexos